Texto e foto/ André PessoaNIEDE GUIDON MULHER

Ao fazer 84 anos a maior pesquisadora da pré-história brasileira vê seu trabalho ir por água abaixo por falta de apoio governamental

Hoje, dia 12 de março, a pesquisadora Niéde Guidon, completa 84 anos, sendo quase 40 deles exclusivamente dedicados às pesquisas na área arqueológica de São Raimundo Nonato, no Piauí. Criadora do Parque Nacional Serra da Capivara – Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco -, ela sofre com a real possibilidade de ver toda a sua obra perdida pela falta de apoio do Governo Federal.

O que deveria ser um dia festivo, com homenagens das mais diferentes autoridades do Brasil e do exterior, se transformou num dia cinza, triste e melancólico. Segunda-feira, dia 14 de março, o ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade), órgão responsável (ou seria irresponsável) pela gestão das unidades de conservação do Brasil, dá início a um projeto de retirar a Fundação Museu do Homem Americano (FUMDHAM) da gestão do parque e consequentemente desvalorizar todo o trabalho realizado pela pesquisadora nessas quatro décadas de revoluções econômicas, científicas e sociais na região.

Nesse momento você deve estar se perguntando, mas por que?

Explico: A Niéde transformou a Serra da Capivara num parque modelo, e como o ICMBio não tem capacidade nem recursos para fazer o mesmo com todas as unidades de conservação do país, decidiu acabar com o modelo implantado no Piauí, ou seja, vai deixar que aconteça com a Capivara o que se vê no restante dos parques do Brasil – abandono, omissão, falta de recursos, incapacidade técnica para gerir um parque arqueológico – que tem necessidades específicas -, irresponsabilidade e tantas outras irregularidades.

É isso mesmo que você leu!

O próprio presidente do ICMBio, Cláudio Maretti, já disse publicamente que não pode ter dois modelos diferentes, um para Capivara e outro para o restante do país. Assim, tudo indica, vai acabar com o contrato de co-gestão entre FUMDHAM e ICMBio e deixar a Serra da Capivara ao Deus dará.

O encontro que tem início no dia 14 e se prolonga até o dia 17 está sendo feito às escuras, sem a participação da população. Apesar de ser realizado na sede do Museu do Homem Americano, será fechado ao público, aberto apenas para pesquisadores e técnicos governamentais convidados de uma forma nada democrática.

O Governador do Piauí, Wellington Dias, um dos convidado para o evento, disse que não participará dessa armação. A vice-governadora Margarete Coelho, também afirmou que não vai fazer parte desse tipo de encontro, onde a população local é renegada a segundo plano. O deputado federal José Francisco Paes Landim, responsável pela indicação da direção do ICMBio no Piauí não foi, sequer, convidado, e fará um pronunciamento na Câmara Federal contra a direção do Órgão, além de comunicar o caso aos principais Ministros do Governo. Os guias, empreendedores, moradores locais, imprensa, entre outros não poderão fazer parte das discussões. Ou seja, mais uma vez o Governo Dilma Rousseff mostra como se faz política no Brasil: o povo não tem voz, nem direitos!

Se o Brasil fosse um país sério, a população se manifestaria e iria poder mostrar sua cara e opiniões neste encontro, defender seu patrimônio e exigir respeito por uma MULHER que deu a vida pelo parque, ao Piauí, e que colocou o Brasil no mapa do mundo da arqueologia.

Fica a pergunta: É esse o presente que ela vai ganhar no dia do seu aniversário?

Para não ficar feio, depois que a imprensa descobriu a armação, o ICMBio se apressou em publicar uma nota truncada (com erros na grafia do nome de Niéde e da FUMDHAM, por exemplo), onde enaltece o trabalho da instituição e a parceria que mudou a Capivara:

Veja abaixo.

www.icmbio.gov.br/…/7769-serra-da-capivara-parcerias-para-a…

foto: ANDRÉ PESSOA (Fotografia captada no Boqueirão da Pedra Furada, às 6:30 da manhã no verão de 1999).
outras imagens: www.flickr.com/photos/andrepessoa

11 Comentários

  1. Norah Kluis Paiva disse:

    Grande mulher, meus sinceros votos de feliz dia para ela! um orgulho para todas as mulheres guerreiras desse planeta

  2. Teresa Cristina disse:

    Parabéns! Continue sendo essa mulher guerreira que só dá orgulho ao povo piauiense.

  3. Lydia Lina Campos disse:

    Mulher formidável! O Piaui deve muito a ela.

  4. Antonio Azevedo disse:

    Parabéns Prof. Niède Guidon!!!

  5. José Osvaldo Guimarães Lasmar disse:

    pouco a pouco vou construindo meu itinerårio no Piaui: conhecer as referências locais daquele que foi um dos miores governadores de Minas, o grande piauiense Francelino Perereira, encontrar Marta Tajra e conhecer seu trabalho e planos da Editora Zahle, conhecer o belo palácio Karnak, conhecer o Parque Nacional da Capivara.

  6. Patricia Portella Nunes Martins disse:

    Mais um absurdo perpetrado por esse governo incompetente da presidente (espero que por pouco tempo) Dilma. Destruir, pelo abandono, o que está feito, e bem feito? Não dá para entender.
    Parabéns à grande Niède Guidon, grande credora do Piauí e do Brasil!

  7. Ribamar Tourinho disse:

    Parabéns brava e sábia mulher!

  8. Pedro César da Silva disse:

    Parabéns a essa Grande Guerreira ! VIDA LONGA

  9. Gloria Sandes disse:

    Todo apoio à Niède!

  10. Olavo Braz Nunes disse:

    Parabens . O Piauí é eternamente devedor da sua devoção ao Parque Serra da Capivara.

  11. Carlos Lobo disse:

    COM O VIGOR, O CHARME , A INTELIGENCIA E A GRANDE CAPACIDADE DE ARGUMENTACAO , QUE SEI, SER ELA , POSSUIDORA, EU ACHO MARTA, QUE NA REALIDADE,,ELA, DE FATO É MUITO MAIS JOVEM DO QUE A GRANDE MAIORIA DE PESSOAS QUE HABITAM, ESSE ” PIAUISAO DE MEU DEUS ” . UM FORTE ABRACO!

Deixe o seu comentário!